25 de outubro de 2020 às 14:26
Escolha seu idioma:

CURTA NOSSA PÁGINA DO FACEBOOK E RECEBA NOVIDADES

Trump e Biden se enfrentam no primeiro debate presidencial nesta terça (29)


Publicado em: 29/09/2020 16:46
Por: Redação Bahia Municípios com Agências Foto: Divulgação


Debate está cercado de expectativa nos Estados Unidos. Será o primeiro encontro presencial entre os rivais desde o início da campanha.

Donald Trump de um lado. Joe Biden do outro. O primeiro debate presidencial dos Estados Unidos está a algumas horas de começar. O evento vai acontecer nesta terça-feira (29), às 22h, pelo horário de Brasília, em Cleveland, em Ohio.

Esse é um dos momentos mais aguardados da campanha presidencial dos Estados Unidos. Principalmente porque será a primeira vez que os dois candidatos ficarão frente a frente nesta campanha. Isso poderia ter acontecido no tributo às vítimas do 11 de setembro. Mas não aconteceu.

O debate terá 90 minutos de duração e não contará com intervalos. Seja como for, o evento vai passar por uma divisão por temas. A Comissão Eleitoral não divulgou os temas. Mas sabe-se que a pandemia, a Suprema Corte e o racismo estarão entre os assuntos.

De acordo com membros da campanha de Donald Trump o debate pode ser importante para reverter a tendência de queda nas pesquisas. O presidente tem um oratória que pode conquistar mais eleitores. Ele, aliás, pediu por mais debates durante o processo.

Já para Joe Biden, o debate pode ser a chance de provar que ele pode se sair bem em um debate. Na campanha das primárias ele passou por momentos difíceis sofrendo muitas pancadas dos seus próprios companheiros de partido.

Debate nos Estados Unidos

Esse debate vai ser comandado pelo jornalista Chris Wallace, da Fox News. Ele funcionará apenas como um mediador. Ou seja, ele não vai poder realizar checagem de fatos ditos pelo presidente Donald Trump ou pelo seu rival democrata Joe Biden.

As campanhas decidiram em conjunto que não haverá um aperto de mão por causa da pandemia do novo coronavírus. Essa era uma tradição histórica em debates dos Estados Unidos. Seja como for, ela já foi quebrada em 2016, quando Hillary e Trump se negaram a apertar as mãos. E naquela época, não tinha uma pandemia para justificar isso.

Trump e Biden não irão usar máscaras neste debate. Emissoras de notícias fechadas irão transmitir o evento com tradução simultânea no Brasil.

Comentários