29 de outubro de 2020 às 04:19
Escolha seu idioma:

CURTA NOSSA PÁGINA DO FACEBOOK E RECEBA NOVIDADES

Próximo presidente do TSE admite risco de adiamento das eleições


Publicado em: 02/05/2020 14:35
Por: Redação Bahia Municípios Com Agências Jorge-Foto : Rosinei Coutinho/SCO/STF


“Por minha vontade, nada seria modificado porque as eleições são um rito vital para a democracia. Portanto, o ideal seria nós podermos realizar as eleições. Porém, há um risco real, e, a esta altura, indisfarçável, de que se possa vir a ter que adiá-las”, afirmou o ministro. Barroso assume o cargo após a saída de Rosa Weber, que deixará a presidência do TSE ao final do mês de maio. Para ele, se não houver condições para realizar as eleições em outubro, o pleito, na avaliação dele, teria de ser feito “em poucas semanas, ou no máximo em dezembro, para não haver risco de se ter que prorrogar mandatos”.

 

Comentários