27 de setembro de 2020 às 14:56
Escolha seu idioma:

CURTA NOSSA PÁGINA DO FACEBOOK E RECEBA NOVIDADES

Prefeito admite transferir até 6 pacientes por dia com Covid-19 para Salvador


Publicado em: 09/07/2020 12:21
Por: Redação Bahia Municípios Foto: Divulgação


Em um vídeo gravado no último domingo (5), o prefeito de Santo Antônio de Jesus, Rogério Andrade (PSD), aparece admitindo que tem transferido diariamente pacientes diagnosticados com o novo coronavírus para serem internados em Salvador.

“Realmente é um momento muito difícil. Nós temos aproximadamente 110 dias tendo que todos os dias, em média, transferir seis pessoas para leitos de UTI em Salvador”, declarou o atual gestor do município localizado no recôncavo baiano.

“Justamente para que nós tenhamos leitos disponíveis no Hospital Regional para abraçar e acolher outras famílias e outras pessoas que, por ventura, tenham necessidade”, justificou Rogério, na gravação.

Já na manhã de hoje (8), o prefeito da capital baiana, ACM Neto (DEM), cobrou que as Prefeituras do interior do estado realizem um trabalho mais intenso na contenção da doença para que, assim, a taxa de ocupação dos leitos em Salvador diminua.

É importante destacar que o democrata reforçou não fazer “qualquer discriminação com quem é do interior ou da capital”. “Nós aceitamos e entendemos que temos que receber todo mundo. O sistema é um só e a vida do interior importa tanto quanto a vida da capital”, contou.

Este aumento de casos de Covid-19 no interior atrapalha planos da reabertura econômica em Salvador. Isso preocupa setores empresariais, que dependem da redução dos números para verem os seus negócios voltarem a funcionar.

Ontem, em coletiva conjunta com o governador Rui Costa (PT), Neto anunciou que shoppings, lojas de rua, templos religiosos e serviços de drive in retomarão as atividades na primeira fase da reabertura comercial.

No entanto, esta etapa apenas será iniciada assim que a taxa de ocupação dos leitos de UTI na capital estiver igual ou abaixo de 75% por cinco dias consecutivos. Hoje, a cidade está com 79,5%.

 

 

Comentários