21 de novembro de 2019 às 22:56
Escolha seu idioma:
CURTA NOSSA PÁGINA DO FACEBOOK E RECEBA NOVIDADES

Novo modelo de aluguel de carro anual chega a Salvador


Publicado em: 10/11/2019 10:17
Por: Ag. de Notícias | Foto: Divulgação


Ter ou usar um carro? Após uma mudança de comportamento, os consumidores despertam para as vantagens do aluguel de veículos. Tendência nos EUA e na Europa, o serviço de assinatura de automóveis ganha espaço no Brasil. A LM Frotas, umas das principais empresas do setor de locação de frotas do país, aderiu a esse modelo e lança o AssineCar, permitindo o aluguel de um zero km por pessoas físicas. O serviço pode ser contratado por 12, 24 ou 36 meses, oferecendo desde carros básicos até veículos de luxo e elétricos.

Na hora de escolher entre comprar ou alugar um automóvel, o consumidor normalmente se questiona entre as vantagens de cada opção, já que culturalmente os bens duráveis são sinônimos de patrimônio. Contudo, esquecem da depreciação que o carro sofre logo após sair da concessionária e que aumenta ao longo do tempo de uso, perdendo parte do dinheiro investido na compra.

Além disso, ter um veículo representa um custo fixo no orçamento para pagar IPVA, licenciamento, seguro e manutenção. Quem opta pela locação está isento dessas despesas, como ressalta Ricardo Soeiro, diretor-presidente da LM Frotas. “No modelo de assinatura, é possível ter o conforto de trocar de automóvel todo ano, sem se preocupar com os trâmites da compra, contratação de seguro, escolha de oficinas para manutenção e venda do veículo. Além da comodidade, há uma grande vantagem financeira, já que o cliente só terá que se preocupar em abastecer o veículo”, explica.

As outras despesas do carro (IPVA, licenciamento, seguro e manutenção) estão inclusas na mensalidade da assinatura, que custa a partir de R$ 970,00, no programa AssineCar, da LM Frotas. Além disso, todos os planos disponíveis já contemplam a disponibilização de carro reserva para os clientes. Considerando os gastos para comprar e manter um veículo, o serviço de assinatura pode representar uma economia de 24% para quem compraria o veículo financiado e 6% se fosse à vista.

 

Comentários