19 de maio de 2019 às 23:46
Escolha seu idioma:
CURTA NOSSA PÁGINA DO FACEBOOK E RECEBA NOVIDADES

Médicos anestesistas do Planserv vão entrar em greve a partir de amanhã


Publicado em: 06/01/2019 16:07
Por: Planserv/ Foto: Divulgação


A Cooperativa dos Médicos Anestesiologistas da Bahia (Coopanest-BA) informou que a partir desta segunda-feira, 7, os beneficiários do Planserv terão o atendimento anestésico suspenso. Após divulgar uma nota na sexta-feira, 4, a cooperativa comunicou que a decisão é mediante as pendências contratuais. Ainda na nota, a direção da cooperativa afirmou que os pacientes com procedimento cirúrgico agendado e com consulta pré-anestésico realizada terão os atendimentos mantidos com a cobrança posterior dos honorários médicos.

“Com essa suspensão, não vamos deixar de atender os indivíduos, porém a forma de cobrança será diferente. Não vamos cobrar da Planserv, vamos cobrar nossos honorários diretamente com os pacientes. As cirurgias, procedimentos estão preservados. Todos os atendimentos anestésicos estão incluídos nessa mudança”, explicou Dr. José Siquara Rocha, componente do Conselho Fiscal da Coopanest-BA. O Hospital Português apresentou um comunicado aos beneficiários do Planserv sobre a suspensão dos atendimentos em Anestesiologia a partir de segunda-feira.

Em nota, o Planserv informou que a Cooperativa dos Anestesiologistas do Estado da Bahia (Coopanest) pediu um reajuste ao plano de 40%, que representa R$ 12 milhões anuais aos cofres públicos. De acordo com o compromisso firmado em outubro do ano passado, em uma reunião intermediada pelo Ministério Público do Estado (MPE), o Planserv tem até o final deste mês para aponta uma posição em relação à pauta da cooperativa. Ainda de acordo com Planserv, nesta segunda-feira, 7, às 15h, está agendada uma reunião no MP para tratar da suspensão da prestação de serviço pela cooperativa. O Planserv informou que sempre adotará medidas para assegurar o atendimento aos beneficiários.

Comentários