19 de outubro de 2020 às 21:22
Escolha seu idioma:

CURTA NOSSA PÁGINA DO FACEBOOK E RECEBA NOVIDADES

Em programa eleitoral, Bruno Reis destaca valorização dos ambulantes


Publicado em: 17/10/2020 10:55
Por: Redação Bahia Municípios com Agências Foto: Valter Pontes/Secom


O candidato do Democratas a prefeito de Salvador, Bruno Reis, destacou, durante propaganda eleitoral desta sexta-feira (16), a política de valorização dos ambulantes nos últimos anos na capital baiana e apresentou propostas do seu plano de governo para a categoria.

Ao longo do programa, Bruno passou por regiões que receberam intervenções da prefeitura, como a urbanização do canal do Vale das Pedrinhas, a orla e a avenida Sete de Setembro. Em todos esses espaços, ressaltou Bruno, as pessoas que já trabalhavam neles continuaram nos locais.

“Nós temos que estimular a economia solidária, dar apoio ao informal, que representa mais da metade das pessoas economicamente ativas da nossa cidade. Da mesma forma, todas as nossas obras de requalificação, trechos de orla e praças históricas, a gente preserva quem está lá trabalhando e coloca mais quiosques para a  comercialização de produtos”, afirmou.

O candidato salientou que irá estimular a qualificação dos ambulantes. Entre as ações, a Educação de Jovens e Adultos (EJA) terá parceria com o Sistema S (que inclui o Sesi, Sesc e Senac) para que sejam oferecidos cursos a essa categoria. Além disso, com os investimentos em inovação e tecnologia, os serviços da prefeitura estarão cada vez mais disponíveis online, e, assim, registros, licenças e serviços poderão ser resolvidos pelo celular.

“Quando a gente recupera uma praça, as pessoas que estão no seu entorno valorizam os seus negócios, se sentem motivadas a botar lá um carrinho de cachorro-quente, venda de pastel. A gente vê isso nos bairros quando inaugura uma obra. Quando voltamos, lá está algum tipo de atividade que surgiu e que está gerando emprego e renda para alguém”, disse Bruno.

O programa do candidato democrata ainda traz relatos de ambulantes e pessoas que trabalham na avenida Sete de Setembro. “Deu espaço para a gente trabalhar”, afirmou um deles. “Tá muito mais organizado”, disse outra. “Antigamente os turistas reclamavam muito e hoje em dia está tudo muito bonito, tudo novo, requalificado”, relatou.

Comentários