5 de dezembro de 2020 às 05:29
Escolha seu idioma:

CURTA NOSSA PÁGINA DO FACEBOOK E RECEBA NOVIDADES

Deputado baiano recorre ao STF contra decisão do TSE


Publicado em: 29/10/2020 15:43
Por: Redação Bahia Municípios com Agências  Foto: CARLOS ALVES MOURA


O STF deve deliberar sobre a decisão do TSE de cassar o deputado Marcell Moraes.

O ex-deputado estadual Marcell Moraes (PSDB) fez uma live logo após a decisão do TSE e disse que nada o abala. Ele afirmou que irá ao Supremo Tribunal Federal para tentar reverter a cassação, apesar de acreditar pessoalmente que será muito difícil que isso aconteça. Ele declarou que agora concentrará os esforços para estar nas ruas fazendo campanha para sua irmã, a vereadora Marcelle Moraes (DEM), que tenta se reeleger para mais um mandato na Câmara Municipal de Salvador.

“Vou tomar um vinho com meu advogado, nada me abala. Minhas castrações continuam meu trabalho não vai parar. Amanhã já estarei nas ruas de Salvador, vou recorrer é claro, mas dificilmente, as esperanças são poucas mas estou firme e forte diferente de outros governantes. Se tentaram calar essa voz quero ver agora como eles vão fazer. Estou de cabeça em pé, estou triste porque pessoas dependeriam desse mandato”, disse.

O baiano ainda mandou um recado ao Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado da Bahia. “Atenção Conselho Regional de Veterinária, meu castramóvel vai funcionar vocês querendo ou não”, ameaçou. Marcell afirmou que nunca roubou dinheiro público e que nem fez Caixa 2 e que continuará cuidando dos animais. “Amanhã já estarei pela Bahia pedindo voto e articulando a candidatura de minha irmã. Ela vai ser deputada estadual”, anunciou.

“Sempre esteve nas mãos de nosso Deus, e estou com minha consciência muito tranquila. Não roubei dinheiro público, não fiz caixa 2 e nenhuma outra ação que desonrasse meu mandato, meus eleitores, família e amigos. Continuarei lutando incansavelmente para reverter a decisão junto ao Supremo Tribunal de Justiça. E outra coisa que posso afirmar a vocês, continuarei fazendo o que mais amo fazer nesses meus últimos 18 anos: cuidar dos animais”, concluiu Marcell. Ele ainda disse que voltará à política e vai ser governador. “Seis anos passam rápidos. Eu vou voltar e vou ser governador da Bahia”, projetou.

Com a saída e Marcell, Tiago Correia (PSDB) aguarda a manifestação do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) para assumir a cadeira definitiva na Assembleia Legislativa da Bahia. Atualmente ele ocupa a vaga de suplente na Casa. Após a efetivação do tucano, Carlos Geilson (Podemos), que atualmente é candidato à prefeitura de Feira de Santana, passa a ser o 1º suplente da coligação.

Comentários