15 de novembro de 2018 às 02:18
Escolha seu idioma:
CURTA NOSSA PÁGINA DO FACEBOOK E RECEBA NOVIDADES

TRE determina que MBL republique de direito de resposta de wagner


Publicado em: 11/09/2018 16:58
Por: Redação | Foto: Reprodução


Denunciado por disseminar fake news, o MBL foi obrigado a republicar o direito de resposta concedido pela Justiça Eleitoral ao candidato a Senador, Jaques Wagner. O vídeo foi postado no dia 30 de agosto, mas em horário incorreto, diferente do período em que as inverdades contra Wagner foram veiculadas. Agora o vídeo em resposta teve que ser publicado a partir das 14hs.

A página do Facebook do denunciado veiculou em agosto que Jaques Wagner teria sido alvo de hostilidades por parte da população em evento no Shopping Barra no dia 11 de agosto, data em que o candidato estava viajando. “Isso é um desserviço à democracia e às pessoas que seguem estes perfis”, afirma-se no vídeo encaminhado como resposta e agora postado novamente.

O movimento alegou ter retirado a publicação com as mentiras, mas a desembargadora do Tribunal Regional Eleitoral Gardênia Pereira Duarte, entendeu que a ofensa já havia sido feita. “Não há dúvidas de que altercações (conflitos) desta natureza têm poder suficiente para afetar uma candidatura”, avaliou a magistrada, que sustentou a decisão no artigo 58 da lei 9.504/97, a Lei Geral das Eleições.

Comentários