24 de maio de 2019 às 12:08
Escolha seu idioma:
CURTA NOSSA PÁGINA DO FACEBOOK E RECEBA NOVIDADES

Sem sucesso, Otto tenta apaziguar “climão” entre Prefeita e Vice de Lauro


Publicado em: 11/04/2019 10:19
Por: Agências de Notícias Foto: Divulgação


Após críticas, Moema anuncia rompimento com Mirela Macedo.

Depois de a deputada estadual Mirela Macedo (PSD) tecer críticas à prefeita de Lauro de Freitas, Moema Gramacho (PT), a petista anunciou, ontem, rompimento com a parlamentar, sua vice. Em nota enviada à imprensa, a gestora laurofreintese diz que a ex-aliada de “novo me traiu e traiu o povo de Lauro de Freitas”. O embate entre as duas iniciou após a deputada reclamar de não participar de um evento do governador Rui Costa (PT) no município e atribuir a ausência à falta de convite da prefeita.

“Esperei 10 dias silente, sem responder uma linha em qualquer veículo de comunicação, que a deputada Mirela Macedo se retratasse. Esperei porque vim mantendo contato com a Serin (Secretaria de Relações Institucionais) do governador Rui Costa e com o senador Otto (Alencar) que, como eu, apostavam na sua retratação para manutenção da unidade. Mas, ao invés de se retratar, a deputada foi ao programa de Mário Kertész provocar, de público, o rompimento”, declarou Moema, em nota. “A senhora está preferindo o caminho que acha mais fácil. Tentar desestabilizar o governo e dizer que é candidata (a prefeita de Lauro de Freitas em 2020) para salvar. Quem vai confiar? Por tudo isso e pela quebra da confiança é que aceito a sua provocação pro rompimento”, acrescentou.

A petista negou que não tenha convidado a deputada para o evento por desejo próprio. “Falou que eu fui responsável por não a convidar pro evento do governador naquele sábado. Tentou me jogar contra a secretária Cibele (Carvalho), da Serin, dizendo ter ela afirmado que era eu quem deveria convidá-la pro evento com o governador. Cibele já cansou de explicar à deputada que o evento foi fechado, sem convites pra deputados e que me disse para não mobilizar, que o governador só ia fazer um exercício de matemática numa aula de ‘reforço’ numa escola estadual. Que bastava eu ir recebê-lo, até porque seria uma coisa rápida e eu teria a posse da secretária Vânia, no mesmo horário, em outro local.  Não chamei nem o líder do governo, o deputado Rosemberg, que é morador do município. A deputada fez duras críticas ao governador diretamente no face(book) dele e foi bloqueada. Com certeza, viu que pisou na bola e quis revidar em mim”, afirmou.

Moema menosprezou conselho de Otto Alencar

Dois dias antes de divulgar o textão com ataques a deputada estadual Mirela Macedo (PSD), a prefeita de Lauro de Freitas, Moema Gramacho (PT), recebeu uma ligação do senador Otto Alencar. O presidente estadual do PSD aconselhou a petista a marcar uma reunião com Mirela e buscar o entendimento, pois tratava-se apenas de uma “desavençazinha”. Porém, Moema ignorou o senador.

“Eu tenho procurado sempre harmonizar a vida interna dos partidos políticos e com os aliados do PSD. Declarou Otto, a imprensa. Tudo tem limite, mas acho que elas tem que ter uma conversa. Eu orientei a Mirela e também falei com a Moema hoje, que elas devem sentar e conversar. E ver o que há de errado com Manassés também. Manassés tem o filho dele (na prefeitura de Lauro de Freitas) trabalhando com a Moema. Tudo que você possa fazer para manter a unidade é fundamental, sobretudo no período desse, que não é um período eleitoral. É um período de construção, de soluções sociais pro povo de Lauro de Freitas e da Bahia”, finalizou Otto Alencar.

 

Comentários