15 de agosto de 2018 às 10:07
Escolha seu idioma:
CURTA NOSSA PÁGINA DO FACEBOOK E RECEBA NOVIDADES

Colbert Martins faz breve balanço dos trinta dias do seu governo


Publicado em: 14/05/2018 8:07
Por: PREFEITURA DE FEIRA DE SANTANA


Enfatizando o eficiente nível de organização da Prefeitura Municipal, o prefeito Colbert Martins da Silva Filho elegeu a mobilidade urbana e a reestruturação do Centro Comercial da cidade entre as metas prioritárias da sua gestão.

A entrevista foi concedida ao Programa Rádio Repórter, ancorado na Rádio Nordeste FM pelos radialistas Renato Ribeiro e Raimundo Tourinho, na tarde/noite de sexta-feira, 11.

Nela, o novo mandatário do Município estimou que o BRT (Bus Rapid Transit) será inaugurado no final do ano, “proporcionando mais fluidez ao trânsito de Feira de Santana”, pontuou.

A implantação do Centro Comercial Popular, também previsto para ser entregue a comunidade ainda este ano, é considerada por Colbert Martins a maior e mais importante intervenção urbana realizada pelo Governo Municipal, desde a criação do Centro de Abastecimento, em 1974, sob a gestão de José Falcão da Silva.

“Esta obra, além de reestruturar o Comércio da cidade, que passará por obras de requalificação, será uma alternativa para atrair mais as pessoas para o Centro de Abastecimento”, ponderou o prefeito.

Saúde

A construção de um moderno hospital estadual para fazer frente às demandas no setor de atendimento de emergência, foi o ponto mais crítico elencado por Colbert, nos serviços de saúde prestados pelo Governo do Estado, no município.

Colbert Martins também defendeu a duplicação da pista de pouso do Aeroporto João Durval Carneiro e a sua adaptação e requalificação para aviação comercial.

O prefeito vê nos entraves sofridos para a ampliação do aeroporto Luiz Eduardo Magalhães, em Salvador, “uma ótima oportunidade para que o aeroporto local seja uma opção natural para ser transformado num aeroporto de carga”, em função do volume de mercadorias que circulam na região, um dos principais polos de logística do Nordeste.

Comentários